17 de setembro de 2012


De repente ouvi teu nome. E quase que imediatamente te procurei a minha volta. Não te encontrei, mas me dei conta de que eu estava sorrindo.

Querido John

2 Comentários ♥:

Fique mais um segundo... disse...

Oi, Gisele, boa noite!!
É um trecho muito poético. Há muita beleza nele. Os "de repentes" dos sentimentos nos arrepiam, e nos enganam, e nos comovem, e nos fazem rir sozinhos no meio da rua... São sensações estranhas, às vezes agradáveis, às vezes melancólicas, mas sempre as desejamos, mesmo que machuquem um pouquinho, porque é o elo que temos com o que às vezes está até perdido.
Muito bem, de verdade.
Um beijo carinhoso
Doces sonhos
Lello

sawuelbruno™ disse...

rs, gostei =)

Belo post !!

Postar um comentário

Sinta-se plenamente livre para expor suas idéias.
Eu fico imensamente grata por sua atenção e pelo
carinho dedicado.

Beijos!

Gisele

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...