5 de março de 2012

"Aí a gente percebe como a vida é pequena.
É preciso amar tudo agora, amanhã pode ser tarde demais."


Caio Augusto Leite


"Eu queria te contar que agora não dói mais. Só que agora não importa tanto o que você vai pensar sobre isso. Queria que você soubesse que já vi nossos filmes milhares de vezes e nem chorei. Ok, chorei. Mas pelo filme, e não por você. Queria que você soubesse que tirei a poeira das nossas músicas, e que as ouço quase todos os dias. Porque elas me faziam mais falta do que você fez. Os nossos lugares não são mais nossos. Eu já voltei lá com outras pessoas, e escrevi lá outras histórias… Eu estou aprendendo a tocar violão. E a primeira música que toquei foi aquela música que era uma espécie de hino pra nós dois. Ela é tão linda… E sim, ela continua sendo muito nossa e lembrando demais você. Mas ainda sim, não dói. Você não pergunta essas coisas, mas sei que gostaria de saber. Porque te conheço. E isso não mudou. Do mesmo jeito que adivinhei as coisas ruins que você aprontaria, eu sei as coisas boas que ficaram aí em você e te fazem lembrar de mim. Porque a vida segue. Mas o que foi bonito fica com toda a força. Mesmo que a gente tente apagar com outras coisas bonitas ou leves, certos momentos nem o tempo apaga. E a gente lembra. E já não dói mais. Mas dá saudade. Uma saudade que faz os olhos brilharem por alguns segundos e um sorriso escapar volta e meia, quando a cabeça insiste em trazer a tona, o que o coração vive tentando deixar pra trás."

Caio Fernando Abreu

10 Comentários ♥:

Ártemis Rae disse...

Senti um arrepeio porque acho que isso tudo é o que todos nós vivemos com esses amores passados. Aquela lágrima quase caiu, mas já não fazia sentido...porque é isso...Não dói mais. ;)

Gostei tanto!
Ainda não tinha lido esse texto do Caio. ^^

E obrigada pela visita ^^
Volte sempre, beijo ;D

HONORATO, Sandro disse...

Olá Gisele :)
Lindo post *-*
As vezes a ausência de alguém dói mesmo mas temos que levantar a cabeça e continuar...
Beijos

www.rimasdopreto.com

Blake disse...

Verdadeiro e intenso!

Gostei do texto!

Obrigada por seguir o Sook!
Adorei seu blog e também estou seguindo.

BjO

http://the-sook.blogspot.com/

José María Souza Costa disse...

Passei para fazer saber que estou seguindo-te, pelo blogue.
Admiravel.
Felicidades, sempre

Aline Longo disse...

Oie, boa noite!!!
Tem um selinho para você em meu blog! ^^
Segue o link: http://jardimnadasecretofrasesepoesias.blogspot.com/

Beijos e fique com Deus.

Clarinha disse...

Lindo post! É exatamente assim que a gente se sente, mas p importante é não se abalar e continuar a vida.

Bjs
http://www.maviealeatoire.blogspot.com/

Suu Munizz disse...

Nossa gisele!Tão bom esbarrar em coisas assim,tão bom ler e ver o quão infinita é nossa capacidade de superação e de sentir saudade.
Cada texto do Caio tem consigo uma vida que desperta muitas outras vidas e isso é incrível.
Abraço e dias de paz a alegria!=)

Etiene C. Borges disse...

Ame intensamente, sem se importar com nada... apenas em amar e ser amada... ser feliz e fazer o outro feliz!!!
É preciso amar tudo agora, amanhã pode ser tarde demais!!!
A vida é assim... urgente!!!
Beijos...

disse...

estava com muitas saudades daqui... lindo post.

amei o texto do caio... ele sempre fala diretamente pra mim, incrivel....

beijooos

sawuelbruno™ disse...

esse fim do texto foi um espetaculo *--*

belas palavras e um belo texto, palavras que nos fazem refletir a cada momento.

Parabéns Gisele

beijo'

Postar um comentário

Sinta-se plenamente livre para expor suas idéias.
Eu fico imensamente grata por sua atenção e pelo
carinho dedicado.

Beijos!

Gisele

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...