19 de julho de 2014


Antes de nos termos encontrado, atravessava a vida sem sentido, sem razão. Sei que de alguma maneira, todos os passos que dei desde o momento em que comecei a andar eram passos dirigidos ao teu encontro. Estávamos destinados a encontrarmo-nos. Mas agora, sozinho na minha casa, comecei a perceber que o destino pode magoar uma pessoa tanto quanto a pode abençoar, e dou por mim a perguntar-me porque razão - de todas as pessoas do mundo inteiro que alguma vez poderia ter amado - tinha de me apaixonar por alguém que foi levada para longe. 

Nicholas Sparks

2 Comentários ♥:

Olivier Violin disse...

Bonjour Gisele,
Je te souhaite un bon dimanche :) ☼

Lucas - Blog: Overture disse...

É algo para refletir-se. Contudo, independente de a pessoa ser levada para longe ou não, amar independe de lógica, de sensatez, de racionalidade. Perto ou longe, fácil ou difícil, correspondido ou não, sempre amaríamos a quem amamos. Não podia ser diferente, e isto deve nos consolar, quando o amor não sair como era doce que saísse. Escolhes textos tão ternos! Tua alma é mais terna e mais rosa-lilás que esta página. Beijossssssssss

Postar um comentário

Sinta-se plenamente livre para expor suas idéias.
Eu fico imensamente grata por sua atenção e pelo
carinho dedicado.

Beijos!

Gisele

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...