3 de março de 2015



O amor não bate à porta 

A palavra amor é curta em letras, porém infinita em significados e imensa nas fantasias e sonhos que evoca da alma de qualquer pessoa que esteja em seu são juízo. Ninguém deixa de pensar no amor, até mesmo os céticos, que afirmam não acreditar no amor, precisam dele para convencer-se de que não existe algo assim para os seres humanos.

Por que será que o amor, que inspira poetas e também alavanca a realização de obras grandiosas, é fugidio ao ponto de ninguém poder afirmar com plena certeza tê-lo encontrado? Ou se o encontrou, tê-lo preservado também? E se o perdeu, por que o perdeu?

Eu, particularmente, pela experiência vivida, não posso dizer tampouco que o encontrei, mas posso dizer aonde ele, com certeza, não está. Assim como milhares de outros seres humanos, me acostumei, quando adolescente, que o amor chegaria até mim como um presente, uma dádiva que me era merecida. Dessa forma entrei naquela sala de espera existencial, aguardando que alguém entoasse meu nome, para só então eu me converter no felizardo que deixaria para trás todas as outras pessoas, que continuariam esperando.

Logo descobri que o amor não é uma espera, pois quem o espera consegue isso: ficar esperando, se iludindo, e então, tudo ficará bem para sempre. O amor chama sim, e inclusive chama para que termine a espera, pois dá a pista que ele só pode acontecer com quem o fizer acontecer.

Ou seja, para se receber um pouco de amor, há de se dar o mesmo tanto de amor. É como diz a última frase musical, da última trilha do álbum branco dos Beatles: "and in the end, the love you take, is equal to the love you make." Traduzindo: no fim, o amor que você pega, é igual ao amor que você faz.

Você quer uma tradução mais clara? Se você quiser colher amor, você terá de se transformar numa pessoa amável, alguém que mereça ser amado. E só merece ser amada a pessoa que ame intensamente.

Pois é, o amor nunca será encontrado esperando, mas praticando-o. Você que está aí esperando amor, lamentando-se porque ele não bate na tua porta, se a tua busca é verdadeira e digna, você vai ter de tomar a iniciativa e amar a despeito de ser amado, fazer o amor acontecer. O amor acontecerá porque você o pratica, e não porque você o espera. E para que continue acontecendo, você terá de preservar-se nessa atitude, pois quando o deixares de praticar, ele desaparecerá.

Oscar Quiroga



11 Comentários ♥:

Lucas - Blog: Overture disse...

Parabéns pelo Dia Internacional de Mulher.
Ser mulher é conhecer a vida por um lado marcado com muitas especialidades:
. é conhecer a vida como um milagre que se forma em seu ventre!
. é conhecer a vida como um desenvolvimento que acontece aos seus cuidados.
. é conhecer a vida pelo lado de uma suposta fragilidade que não se aplica a quase nada de sua realidade diária, cheia de momentos em que somente a força, a coragem e a luta podem levar a bom termo.
. é conhecer a vida pelo lado do amor incondicional.
.é conhecer a vida pelo lado do coração.
. é conhecer a vida pelo lado da superação.
A lista seria longa. Quase interminável! Por isso, resumo dando a ti e a todas as mulheres que por aqui passam os parabéns por tudo que são, fazem e representam.
A mulher é a primeira tanto das belezas quanto das virtudes do mundo.
Beijosssssssssss

Victor Pacheco disse...

Muito lindo seu texto sobre amor, gostei muito do seu blog.

http://espacoparatodomundo.blogspot.com.br/

Rapha Barreto disse...

A gente pode dizer muito e ainda não dizer nada sobre o amor!
Adorei o texto! E é muito bom quando encontramos algo verdadeiro.

Beijão e boa semana!
Ah, e venha comemorar o aniversário do blog.
http://mylife-rapha.blogspot.com.br/2015/03/aniversario.html

Laíza disse...

É a mais pura verdade Gi. As pessoas esperam os outros fazerem aquilo que é de responsabilidade própria. O que fazemos retorna a nós, e se não fazemos não há o que se reverter. E nada melhor do que amar. Super beijos.

Pessoa Apaixonada disse...

Ola, ótimo post!!!! Eu sou uma blogueira novata, e gostaria de lhe indicar meu blog, o "Ilusão do Amor".Não falo do amor de maneira tão fofa, mas falo também sobre o amor, e acho bom ler as diferentes opiniões,por isso podemos fazer uma troca. O que acha? Beijoos. Aqui o Link: http://amoriludido.blogspot.com.br/
Obs: Ele não é tão bonito e organizado como o seu tá? Só avisando.

Danilo Cesar disse...

adorei....

Amor? O que é isso? disse...

nem mais...

Michael Douglas disse...

olá... amei a postagem... que belas palavras...bem profundas! queria lhe indicar o meu blog, n tem muito tempo, estou começando ele ainda www.amorices.blogspot.com.br

Unknown disse...

Nossa amei.

Ronaldo Santana disse...

Nossa amei.

Deixa-te de Merdas disse...

Amei... A liberdade de amar a palavra amor...

Postar um comentário

Sinta-se plenamente livre para expor suas idéias.
Eu fico imensamente grata por sua atenção e pelo
carinho dedicado.

Beijos!

Gisele

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...